0

Nossa luta : Coração Granada!

Conversamos com o Coração Granada, sobre seus mais recentes discos, videoclipe e atual situação nacional.

Como e quando surgiu a banda?

Mamão: A Banda surgiu em 2017. Eu tive uma banda lá pro ano 2000, que se chamava Hágac, e aqui na minha cidade, Araxá/MG, pipocavam algumas bandas de Punk e Hardcore na época. Então desde que a banda terminou, lá pra 2003, eu continuei escrevendo músicas, pois é minha maior válvula de escape, mas quase nunca mostrava esses sons pra ninguém. Até que um belo dia, resolvi pegar meu violão “véio de guerra”, e gravei um videozinho com meu celular, cantando”Até Quando!?”, e joguei no Facebook. Ai veio uma enxurrada de comentários positivos e tal. Então dois amigos das antigas, da época das Bandas de Punk e Hardcore, Calebe e Neto, me procuraram e me disseram que a gente tinha que gravar aquilo, então falei que tinha uma porrada de músicas e a partir dali surgiu a “Coração Granada”. Hoje a banda conta com: Mamão nos vocais e guitarra; Pauleira no Baixo e Neto na bateria.

Qual era o propósito musical desde o início?
 
Eu sempre fui fissurado em Punk Rock e Hardcore, e como sei fazer alguns acordes na guitarra e amo escrever, eu sempre, desde sempre, componho músicas desse estilo. E é fantástico pra mim amar esse tipo de som, esse Punk Rock simples e básico, pois assim não fico frustrado em não conseguir fazer músicas, hehehe. Eu seria muito frustrado na vida se gostasse de um som que levassem mais de 3 acordes, pois eu teria que aprender tocar guitarra de verdade, e isso seria um saco, hehehe. Toco aquilo que eu sei, sem inventar, e acredito que saiam músicas bem legais. Na verdade eu consumiria minha banda numa boa, iria em shows, cantaria cada letra com toda minha raiva junto com os caras e me acabaria no mosh pit, e acho isso demais, hehehe.
 
Nos falem um pouco dos conteúdos das letras
 
Minha escola dentro do Punk Rock e do Hardcore, é a música de protesto, de contestação, e não poderia ser diferente dentro da Coração Granada. Na verdade citar na mesma frase, música de protesto, contestação, e Punk Rock, seria redundância a um tempo atrás, mas infelizmente nos dias sombrios que vivemos hoje, não é. Seria cômico se não fosse trágico, mas hoje nos esncontramos explicando pra uma pá de gente, que o Rock é algo contestador, que o Punk Rock é Anti-Fascista, que o Metal é Anti-Autoritarismo. Tem uma pá de gente que ouviu a vida interia Pink Floyd, Green Day, Dead Kennedys, Rage Against The Machine, Planet Hemp, e mais uma caralhada de bandas mundo afora, e não entenderam PORRA NEHUMA daquilo que ouviram, e nem absorveram NADA para suas vidas. É incrível o tamanho da imbecilidade que encontramos por ai todos os dias. Roqueiro Conservador é uma das coisas mais ridículas desse mundo. Não sei como alguém consegue cantar, gritar, e muitas vezes até tocar músicas que não acreditam e que não lhes tocam a alma e o coração, na verdade é uma baita hipocrisia. Xingaram o Roger Watters por ser Anti-Fascista, mesmo o cara tendo escrito obras Anti-Fascistas incríveis durante toda a sua vida, xingaram o Dead Fish por serem de esquerda, mesmo com os caras cantando músicas como MST a vida toda. Tudo isso é de uma imbecilidade e de uma ignorância sem tamanho, é algo que me dá um tremendo nó no estômago, um baita nojo mesmo, saca?

Voltando ao conteúdo das letras da Coração Granada: fazemos músicas que contestem aquilo que está ai para ser contestado, desconstruído, destruido e esmagado, sempre levantando e exaltando o poder que temos em nossas próprias mãos, em tranformarmos esse mundo, em algo melhor para TODOS nós…menos pros FASCISTAS é claro, esse não entram na conta, e não merecem porra nenhuma. Nossa música é um grito de RAIVA, AMOR, EMPATIA, ESPERANÇA, LUTA e RESISTÊNCIA.

Como foi gravar o primeiro álbum ?
 
Gravar o primeiro álbum foi incrível. Foi como colocar pra fora todos os demônios que eu carregava uma vida toda. Foi libertador e uma experiência que eu quero repetir por muitas e muitas vezes ainda.
 
Como foi feito o videoclipe ?
 
O videoclipe de “Nossa Luta” foi algo pra mostrarmos a cara da banda mesmo, pra mostrarmos toda a nossa energia quando nos juntamos pra tocar Punk Rock. Foi gravado no Libertas Bar, que um bar incrível aqui de nossa cidade, onde pessoas de todos os mais variados gêneros transitam como iguais, como sempre deveria ser em qulquer lugar desse planeta. Na verdade sonho com o dia em que nem precisaremos mais tocar nesse assunto, pois todos nos trataremos como irmãos que verdadeiramente somos. Mas enquanto esse dia não chega, a Coração Granada estará aqui enfiando o dedo na cara de muita gente.
 
 
Como surgiu o novo disco e título do mesmo?
 
O novo disco vem sendo escrito desde que esse transe coletivo de conservadorismo hipócrita assolou o país. Desde o Golpe até a ascensão Fascista, tudo o que se passou foi inspiração pra que eu escrevesse as canções do novo álbum. 

O título do álbum é LUTO!, com esse ponto de exclamação colocado ali de forma proposital. Pois apesar de estarmos em LUTO por um país que mostrou sua verdadeira face mesquinha,  intolerante e podre, ainda há tempo de LUTAR, e nem tudo esta perdido. Na verdade esta longe de estar perdido, e a cada dia que passa isso fica mais evidente ainda. Hoje, para cada grito de MITO que ouvimos nas ruas, ouvimos dez gritos se voltando contra ele.  

O que foi fonte de inspiração pra esse material ?
 
Olhe ao seu redor, olhe tudo a sua volta, não há inspiração pior que essa, isso mesmo, inspiração PIOR que essa para se fazer música Anti-Fascista.
 
 
Novo disco sai em novembro?
 
Lançaremos na próxima semana, um primeiro som como single, a música “Reich Tropical”, música que abre nosso novo álbum. Logo depois disponibilizaremos nosso álbum em todas as plataformas digitais, e talvez algumas cópias físicas, veremos. 
 
Quais os próximos passos?
 

Tocar e divulgarmos nosso som o máximo que conseguirmos por ai, contando sempre com a ajuda dessa galera linda do Underground.

Considerações finais
 
Espero do fundo do meu coração que não precisemos fazer músicas de protesto por toda a vida. Espero ainda poder escrever um álbum inteiro somente com músicas de amor. Mas enquanto esse dia não chega, que continuemos nos levantando e nos opondo contra todo MALDITO FASCISTA que anda sobre a Terra.
Para quem ainda não conhece a banda, curtam nossa página no Facebook, sigam nosso canal do YouTube, ouçam e baixem nosso primeiro álbum no Spotify e demais plataformas, e fiquem atentos, porque daqui a pouco teremos o novo álbum da Coração Granada na praça, o álbum LUTO!.
Muito obrigado, do fundo do nosso coração, aos amigxs da Raro Zine. São pessoas como vocês, que ainda nos fazem acreditar. Beijos e abraços a todxs…
AMOR, RAIVA, EMPATIA, ESPERANÇA, LUTA e RESISTÊNCIA!!! <3 
 
 
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *